29 de jan de 2014

NFLY 2°- Capitulo 4/ Pretty Hurts

(ja usei esse gif mas eu AMO ele)


 Estava vestida dentro do carro, sentia a suor caindo pelo minha nuca. Estava relativamente muito nervosa. Mari sorria ao meu lado, junto com o Alex que me levaria até lá. O carro parou em frente a igreja e eu desci ao lado da Mari e Alex.

-Está pronta?- Alex sorriu me estendendo o braço

-Sempre- sorri e juntei meu braço no dele, que me conduziu até a grande porta da igreja.

Mari entrou primeiro, logo depois eu e Alex entramos. Assim que pisei dentro da igreja todas as atenções foram diretas para mim, todos sorriam e eu retribuía. Olhando para frente lá estava ele. Lindo com sempre, Austin sorria largamente para mim;Cheguei ao seu lado e ele sorriu ainda mais, eu também sorria muito e quando o padre começou a falar e falar eu não escutava nada, apenas o meu coração batendo fortemente junto com o dele.

-Clara Julia Diniz, aceita Austin Carter Mahone como seu legítimo esposo?- o padre falou tirando-me de meus pensamentos

-Sim- falei sorrindo

-Austin Carter Mahone, aceita Clara Julia Diniz como sua legítima esposa?- o padre perguntou e o Austin sorrio para mim

-Não.- falou e eu me assustei, meu coração estava congelado. A voz dele rondava minha cabeça "não,não,não" enquanto eu o via indo até uma menina e a levando para fora da igreja; Caí sobre os meus joelhos e todos começaram a ir embora enquanto eu continuava chorando sozinha no chão...

(coloquem para tocar: Pretty Hurts)

Acordei em um pulo, minha respiração estava acerelada e meu coração parecia que ia explodir. Já chega! Não aguento mais.


Me estiquei até o meu celular que estava no criado-mudo e mandei uma mensagem para a Mari;Apertei send e fui até o banheiro, espero que o Jackson fique bem. Eu não aguento mais esse tormento. Peguei a lâmina na gaveta, tem muito tempo que eu não faço isso... Mas chegou a hora de acabar com tudo.


Enquanto a lâmina tocava minha pele tudo se passou pela minha cabeça. 

A morte da minha mãe.
Just another stage
Minha ida para San Antonio.
Pageant the pain away
Meu primeiro beijo com Austin.
This time, I'm gonna take the crown
A gravidez da Mari.
Without falling down, down,down
Minha vinda para o Brasil.Jackson.

Cai de joelhos sentindo minha cabeça zunir e a imagem de Austin foi a última coisa que eu vi.




*Mari P.O.V's*

Recebi uma mensagem de Clara era exatamente 2:00 da manhã.

"Me desculpe, mas eu não aguento mais. Espero que me perdoe e cuide bem do Jackson por mim. 
Te amo muito.
Xoxo sua Boo"

Levantei correndo, acordando o Alex, me vesti o mais rápido que pude. Corri até o elevador, demorou muito e eu fui de escada mesmo. Chegando até o saguão sai correndo até a casa dela, que ficava a um quarteirão do hotel. Por sorte, e descuido, a porta estava aberta. Podia ser tarde demais. 

Corri até o quarto dela e a porta do banheiro estava aberta, a luz acesa e sangue no chão. Lá estava ela, jogada no chão com uma poça de sangue em volta, rosto pálido e com respingos vermelhos em todo o pijama. Porque ela fez isso? 

Me ajoelhei perto dela colocando sua cabeça no meu colo, eu já estava chorando muito, peguei meu celular e digitei uma mensagem rápida para o Alex "Vem na casa da Clara" e enviei, logo depois ele estava me ajudando a leva-la para o carro.

(...)

-Você chegou e ela já estava assim?- o médico perguntou pela milésima vez 

-Sim, ela vai ficar bem?- perguntei enxugando as lágrimas que insistiam em cair. Ele olhou para a prancheta e assentiu, suspirei aliviada.

Me sentei junto com Alex naquelas cadeiras desconfortáveis, ele me abraçou forte e eu voltei a chorar no seu ombro.

-Shh, ela vai ficar bem...- falou tentando me aclamar

-Porque ela faz isso?- falei entre soluços, apoiei a cabeça no seu ombro e abraçada com ele eu dormi.

(...)

-Não acha melhor acorda-la?- uma voz ecoava perto de mim

-Ainda não- uma voz conhecida ecoou como resposta, Alex.

Abri os olhos e vi Alex conversando com um médico, olhei para o meu lado e Austin estava com a cabeça apoiada nas mãos. Oque ele fazia aqui?

-Mari?- Alex me chamou e eu o olhei

-Já sabem se ela esta bem?- perguntei ainda meio sonolenta, ele negou

-Perdeu muito sangue e...- olhou para Austin- Não sabem ainda


Oi Girls!!
Como vcs estão? Eu to bem obg u.u
Oque acharam do cap? A Clara tentando se matar '0'
Eu sei que o cap ficou pequeno mas eu tava sem NENHUMA criatividade então... Gostaria de avisar dnv que minhas aulas começam dia 3 e eu ñ sei se vai dar pra postar muito, vou me esforçar ok?

+7 cometários

kissus amo vcs!

28 de jan de 2014

NFLY 2°- Capitulo 3/ No! Not Again!




-Clara?- Alguém me chamou e eu me virei, dando de cara com Austin.


-Austin? Oque você faz aq...- fui interrompida por um beijo, sim o Austin ME BEIJOU! O pior não foi isso, o pior foi que eu correspondi!


Tudo oque eu sentia naquele beijo era saudades, e no meio do beijo minhas bochechas ficaram molhadas, eu estava chorando... Agora, porque? Não sei.


-Senti sua falta- falou colando nossas testas, desviei o olhar e ele enxugou minhas lágrimas


-Não... Não faz isso Austin- falei ainda chorando e ele me abraçou


-Senti tanto a sua falta...-Sussurrou no meu ouvido


-Austin?- ouvi alguém chama-lo e olhei para porta, uma menina que parecia ter uns 19 anos estava lá com uma cara de poucos amigos, ele bufou e me soltou relutante


-Fala Lívia- falou se virando para olhar a coisinha


-Quem é...- me olhou de cima a baixo- Ela?- falou olhando pra mim com uma cara de nojo, uma raiva me subiu e eu só não avancei no projeto de gente porque o Austin me barrou


*Lívia P.O.V's*


Austin sumiu pelo corredor e eu fui atrás, passei por uma porta que estava aberta e ele estava se agarrando com um menina de cabelos roxos, podemos até estar namorando por um contrato mas eu amo ele e ele não pode fazer isso comigo!


Fui até a porta e o chamei depois da pegação, ele se virou e eu pude ver direito a menina, então ele me trocou por... Isso?


-Como assim "ela"?- a garota me perguntou me imitando


-É isso mesmo que ouviu, ou além de fura-olho você é surda?- perguntei me aproximando, Austin apenas observava tudo, ainda segurando a menina que tentava se soltar dele.


-Você não tem o direito de falar assim comigo projeto de gente!- ela falou e eu não exitei em dar um tapa no rosto daquela fura-olho.


Ela me olhou incrédula e avançou para cima de mim, mas o Austin a impediu





-Chega Clara- falou a segurando mais forte enquanto ela tentava se soltar


-Vai defender ela?- perguntou se soltando e olhando para o Austin, eu nem olhei mais na cara dela mas pelo olhar de Austin ela estava prestes a chorar, e saiu do camarim correndo.


*Austin P.O.V's*


Depois que a Clara saiu do camarim correndo a minha vontade foi de espancar a Lívia até a morte, mas não poderia fazer isso por causa da merda do contrato


-Ainda bem que aquela puta foi embora né Aus?- Lívia veio pra perto de mim segurando na minha blusa, empurrei ela de perto de mim e fui atrás da Clara.


Procurei por todos os camarins possíveis, ela não estava em nenhum lugar. Sai e fui para a área da praia. Andei por quase toda a extensão até encontra-la sentada em uma pedra.


-Ei, porque está chorando?- perguntei me sentando ao seu lado


-Pergunta pro projeto de gente que você defendeu- falou limpando as lágrimas


-Olha, eu sei que ela não é a melhor pessoa do mundo e nem a mais legal- falei e ela riu- Mas... Quer saber? Esquece! Ela é uma menina metida, besta e muito chata- falei e ela gargalhou


-Coitada da menina Austin!- falou me dando um tapa no ombro


-Vai defender ela?- perguntei imitando ela, que riu


-Não


-Então vem aqui- puxei ela para o meu colo e acabamos caindo para trás


-Oque você quer agora?- perguntou com a mão no meu peito


-Um beijo


-Vai pedir pro projeto de gente- falou e se levantou indo embora.


Droga, Austin!


*Clara P.O.V's*


Porque ele tinha que aparecer e me beijar agora? Quando estava indo tudo bem? Porque ele sempre ferra tudo? Não que eu não tenha gostado do beijo mas... Eu não posso gostar dele de novo e me machucar de novo.


Não! De novo não!


Oi Girls!!!

Oq acharam do cap? Eu ñ gostei maaaas...
A partir desse cap o "projeto de gente" vai aprontar MUITO e o Austin vai tentar ficar com a Clara dnv *-*
O resto eu ñ conto u.u
E queria dizer que vcs são d+ e amo vcs! ~vcs já sabem disso né?~
Então muitos KISSUS e até outro diaaa

+6 comentários

27 de jan de 2014

NFLY2°- capitulo 2/ Party All Night Long


*Mari P.O.V's*

Chegamos no Brasil com aquele alvoroço todo. Fãs, paparazzis, mídia, entrevistadores... Eu passei ignorando alguns e dando autógrafos para os fãs, quando chegamos no carro eu praticamente me joguei para dentro da parte de trás, uma hora essa vida de cantora me mata.


*Clara P.O.V's*


-Mamãe?- Jackson me chamou subindo na minha cama e me acordando


-Jacks? Oque você ta fazendo aqui?- perguntei pegando ele no colo


-Tem um monstlo no meu qualto- falou me agarrando pelo pescoço


-Calma- falei passando a mão no cabelo dele- Pode dormir aqui se quiser- falei e ele deitou, ri dele e deitei do seu lado


(...)


Depois que o Jacks deitou comigo na cama eu não consegui mais dormir, então fiquei mexendo no celular. Era exatamente 5:30 da manhã quando eu recebi uma mensagem da Mari.

*Mensagens ON*

To no Rio!! 
Xx

Sério?!

Sim! To Palace Hotel

Do lado de casa

Vou ai daqui a pouco então

Pode vir, o Jacks quer te conhecer

Meu sobrinho LINDOOO bjks até daqui a pouco 

Bjks até

*Mensagens OFF*


Ai que legal, ela ta no Rio! Bem aqui do lado!


(...)


-MARI!-gritei assim que ela entrou


-BOO!- veio correndo me abraçar- Quanto tempo


-É, cade as meninas?- perguntei desabraçando

-Foram na praia com o Alex, cade o lindo do Jacks?-perguntou sentando no sofá

-Ele ta no quintal, vem- chamei ela para os fundos da casa.

Jacks estava brincando na grama do quintal com os carrinhos e um caminhãozinho


-Aiin que coisa mais linda da titia!- Mari falou pegando ele no colo, ele olhou pra ele depois pra mim e depois para ela de novo


-Quem é mamãe?- perguntou apertando as bochechas da Mari que ria dele


-Sua tia Mari- ela respondeu por mim apertando mais ele no colo, ele retribuiu o abraço e ela já estava quase chorando


-Vem, vamos lá pra dentro... ainda temos muito para conversar.-falei e entramos


*Austin P.O.V's* 


-Como assim Brasil?- Lívia me perguntou quando pousamos no aeroporto do Rio de Janeiro


-Eu falei pra você ontem que a gente ia vir pro Brasil- falei com um desanimo, essa garota irrita muito


-Se você tivesse falado eu teria lembrado- falou e saiu rebolando para fora do jatinho, bufei e sai atrás. Temos que sair em todas as fotos juntos, maldito contrato.


-Ok ok, em que hotel vamos ficar?- perguntou agarrando o meu braço para a foto


-Palace Hotel- Copacabana, conhece?- perguntei sorrindo para os paparazzis


-Sim, é o melhor daqui... Vamos- me puxou para longe dos entrevistadores. Essa é a única coisa boa nela, odeia a mídia.


(...)


Depois de uma meia hora chegamos no hotel, por sorte tinha duas camas no quarto. Não teria que dormir com aquela... Coisa.


*Mari P.O.V's*


Já estava quase na hora do meu "show" e eu, é claro, dei um jeito de levar a Clara e o Jacks para os bastidores junto comigo. Eu sabia quem iria se apresentar e  também sei que ela vai me matar depois.

-Chegamos- falei abrindo a porta do meu camarim


-Você já tinha vindo aqui?- Clara perguntou colocando o Jacks no chão, que saiu correndo pelo corredor a fora


-Já, pouco antes de ir para o hotel me obrigaram a vir ver como era- falei bufando e me joguei no sofá do lado dela


-Hm... Além de você, quem mais vai se apresentar?


-A sei lá- mentira! Sei de cor:

1-Chimarruts
2-O Rappa
3-Eu
4-Selena Gomez
5-P9
e...
6-Austin Mahone


-Ah, que pena- falou forçando um sorriso, pela primeira vez na minha vida nós ficamos sem assunto.


-Mari Souza?- Alguém bateu na porta me chamando


-Entra Alex- falei rindo


-Nossa, nem pra fingir né?- falou e me deu um selinho, assim que viu a Clara ele congelou


-Oi Alex- falou se levantando, ela parecia nervosa... Acho que não esperava vê-lo tão cedo.


Antes de qualquer coisa ele a abraçou e ela retribuiu, depois de 3 anos é a primeira vez que eles se encontram.


-Ta, parou com a melação né? -falei entrando no meio deles


-Ciumenta...- Clara falou baixinho e eu dei um tapa na cabeça dela- AI!- me olhou incrédula


-Nem parece que tem 22 anos né?- Alex perguntou e eu dei um tapa nele também


-Ta, agora Alex- apontei para a porta- Sai que eu vou me trocar- ele bufou e saiu acenando e fechou a porta


-Que hora é o seu show?- Clara me perguntou se jogando no sofá, de novo


-As...- olhei no relógio- Daqui uma hora- falei e corri pro banheiro me trocar.


(...)


-Sim! Você vai sim! Eu já te vi cantando e você vai cantar comigo sim!- falei pela milésima vez para a Clara que teimava em não querer cantar Oath comigo.


-Ta bom!- falou contrariada e bufou.


Fui até a coxia e esperei me anunciarem para entrar, assim que entrei todos começaram a gritas e aplaudir.


-OLÁÁ BRASIL!- meu português ainda estava muito fraco mas saiu.-Então, vou começar com I Wish ok?- perguntei e começaram a gritar.


Depois que cantei I Wish, me sentei em uma das pontas do palco.


-Bom, agora eu vou pedir para a minha melhor amiga entrar no palco...- fali e todos gritaram, eu me levantei e fui até o meio do palco- EI CLARA?!- gritei e ela entrou, todos aplaudiram.


-Oi gente- falou tímida, meu Deus vou apertar as bochechas dessa pessoa


-Vamos?-perguntei e ela assentiu, começou a batida Oath e eu comecei a cantar:


Yo, my best friend, best friend til the very end

Cause best friends, best friends don't have to 
pretend

You need a hand, and i'm right there right beside you

You in the dark, i'll be the bright light to guide you

'Member the times, times, times sneaking of the house

All of the times, times, times that you had the doubts

And don't forget all the trouble we got into

We got something you can't undo, do


Laughing so damn hard
Crashed your dad's new car
All the scars we share
I Promise, I swear- Cantamos juntas


Wherever you go, just always remember

That you got a home for now and forever

And if you get low, just call me whenever

This is my oath to you

Wherever you go, just always remember

You never alone, we're birds of a feather

And we'll never change, no matter the weather

This is my oath to you- Cantamos o refrão juntas de novo


I know I drive you crazy, mm, sometimes

I know I called you lazy, and that's most times

But you complete me, and that's no lie

You are my tuxedo, and i'm your bow tie

We in the car, sing, sing, singing our song

Rocking the building, tear it down, like we king kong

And in my eyes, you can't do, do no wrong

You got the best friends sing, sing along- ela cantou e todos começaram a gritar


Laughing so damn hard
Crashed your dad's new car
All the scars we share
I Promise, I swear- cantamos juntas e eu abracei ela


Wherever you go, just always remember
That you got a home for now and forever
And if you get low, just call me whenever
This is my oath to you
Wherever you go, just always remember
You never alone, we're birds of a feather
And we'll never change, no matter the weather
This is my oath to you

I'll never let you go
Ohh
Woah, this is my oath to you
Ohh
Just thought that you should know
Ohhh
Woah, this is my oath to you

Yeah... ~Clara~
Wherever you go, just always remember

That you got a home for now and forever

And if you get low, just call me whenever
This is my oath to you

Wherever you go, just always remember

You never alone, we're birds of a feather

And we'll never change, no matter the weather
This is my oath to you

You should know, you should know, you should know
Woah, this is my oath to you

You never alone, we're birds of a feather

Woah, this is my oath to you.

Terminei de cantar e todos aplaudiram, Clara me abraçou e voltou para a coxia


*Clara P.O.V's*

Depois de cantar Oath com a Mari, eu estava muito nervosa, mas pelo menos me sai bem. Fui para o camarim onde Jacks estavam brincando com a Mel e a Jully.


-Oi amores- falei dando um beijo nas meninas


-Mamãe- Jacks estendeu as mãozinhas para mim, peguei ele no colo e ele me abraçou forte, ciumento.


Fiquei brincando com eles até alguém abrir a porta


-Clara?


Oi Girls!!

Como vcs estão? Eu to bem obg u.u
Oq acharam do cap? Quem será? fação suas apostas Podem me bater eu deixo! haha
Explicações: Eu fui pra casa da Thai e ontem eu sai com o meu pai
Então me desculpem msm, minhas começam dia 3 ~segunda que vem~ e eu ñ sei se vai dar pra postar muito, estão avisadas!
OMG OMG 8 comentários?
PQP vcs são d+!!

Sério, AMO VCS TIPO MTUU!!
Então é só... Kissus e até amanhã eu acho

+5 comentários

24 de jan de 2014

NFLY 2°-capitulo 1/ Being Free

(xENTE esse é o Jackson :3)


*Clara P.O.V's*


Brasil, tinha me esquecido como o ar é diferente por aqui. Principalmente no meu amado Rio de Janeiro... Sol o ano todo, sem exceções. Com tantos garotos bonitos por aqui e eu ainda sou apaixonada por aquele idiota... Mas é quase impossível não pensar nele, ele está em todo lado... Literalmente.


-Mamãe?- alguém me tirou dos meus pensamentos, conheço essa voz em qualquer lugar... Jackson.


-Sim meu amor?- perguntei pegando ele no colo


-Solvete!- falou apontando para a geladeira, ri dele


-Não tem sorvete aqui- falei e ele fez bico- Vamos comprar ta?- perguntei colocando-o no chão, ele saiu correndo pela cozinha. Para um menininho de 2 anos ele corre muito.


Peguei minha bolsa, coloquei o celular no bolso e fui atrás do Sr.Fujão, como esperado ele estava pulando tentando alcançar a maçaneta da porta da frente.


-Jackson!- o repreendi pegando no colo, ele cruzou os braços fechando a cara. "Igual ao pai" pensei, merda. nem nessas horas ele sai de perto de mim!


-Quelo solvete!- reclamou de novo quando eu o coloquei na cadeirinha no carro.


-Calminha Sr.Apressado, já estamos indo- falei rindo e ele gargalhou.


No caminho da sorveteria ele ficou reclamando o tempo todo que queria sorvete, que estava demorando até que começou a tocar uma musica no rádio que o fez parar de reclamar. 
"Say Something- Austin Mahone" a mulher falou assim que a música acabou, ótimo... nem no carro tenho paz! Desliguei o rádio com raiva, tinhamos acabado de chegar na sorveteria.


-Solvete!Solvete!- ele saiu pulando até a porta de vidro da sorveteria, fui até ele e o peguei no colo.


Entrei com ele pulando no meu colo, coloquei ele sentado nos banquinhos da bancada e ele já apontou pro sorvete de chocolate. Fiz os pedidos e fomos nos sentar, bom... Eu fui me sentar com ele no meu colo.


-Clara?- alguém me chamou e eu me virei


-Lidya!- falei e ela veio se sentar conosco


-Quanto tempo!- falou se sentando, eu ri


-Nos vimos ontem- falei rindo e ela riu também


-Exatamente! Oi Jacks- falou apertando as bochechas do Jackson


-Pala tia Li!- falou reclamando e tirando as mãos dela da bochecha, eu e ela rimos.


-Então, você vai no Luau?- perguntou tomando um MilkShake que eu não sei da onde apareceu


-Que Luau?- perguntei limpando o Jackson, que fez o favor de se melecar com o sorvete


-Lá na praia de Ipanema- falou e pegou um papel dentro da bolsa e me entregou. 

"Luau de verão
Sábado 25 de Janeiro
Das 18:00 às 23:30
Com as apresentações de..."

Não terminei de ler e devolvi pra ela


-Não sei, tenho que ver com o senhorzinho aqui- falei apontando para Jacks


-Se eu fosse você eu ia, vai ser divertido! Vai ter um monte de apresentações!- falou animada


-Vou pensar, você vai?- perguntei terminando o meu sorvete


-É obvio!- falou incrédula- Eu não perderia por NADA


-Então, eu vou também... Vai ser bom ter companhia- sorri forçado


*Mari P.O.V's* 


-Se eu quero ir pro Rio de Janeiro?- perguntei incrédula enquanto falava com o Simom, meu empresário, pelo telefone


-Que você quer ir eu sei- falou rindo- Quero saber se posso comfirmar sua apresentação no Luau de amanhã


-Mas é claro que pode!- falei ainda mais animada


-Ok, então arrume tudo que você vai pra lá daqui uma hora


-Ok ok, tchau e obrigada Simom!- falei e ele desligou o telefone


-Então oque ele quer...


-EU VOU PRO RIO DE JANEIRO!- falei pulando em cima do Alex


-Calma- falou rindo- Isso eu ouvi, mas... Sozinha?


-NÃO!- levantei correndo- Arruma a sua mala que eu arrumo a minha e a das meninas- eu andava de um lado pro outro e ele só ria de mim- Porque ta rindo?- perguntei o encarando


-Porque o Simom já tinha falado comigo e... As coisas já estavam arrumadas, só falta as suas- falou me selando


-Perai! Quer dizer que eu sou a ÚNICA que não sabia que íamos pro Rio?- perguntei incrédula


-É... Era pra ser surpresa...- falou dando um sorriso culpado, encarrei ele séria- E eu vou indo ver a Mel- falou e saiu correndo antes de eu ir atrás.


As malas Mariana, as malas pensei comigo mesma respirando fundo. As malas


Oi Girls!!

Desculpa se o cap ta um lixo ta? Eu não to muito boa pra escrever hj...
Mas esse problema vai passar, daqui SEIS MESES! Sim, seis meses...
Seis meses de Rehab do Justin :( mas tudo bem, TUDO BEM EU TO BEM!
Ta, nem tanto. Mas eu prometo que posto amanhã se der ok?
 Então eu só vou pedir 3 comentários ok?
Sobre o cap: 
*A Mari ñ sabe que a Clara ta no Rio
*O Jacks já reconhece o pai pela voz *-*
e mais nada hehe

BJKS +3 cometários

#PrayForJustin
#PrayForBeliebers

NFLY 2° Temporada- PERSONAGENS



Clara Diniz



Agora com 20 anos, Clara mudou radicalmente depois de 3 anos.
Mas não foi apenas na aparência, depois de sofrer muito por Austin ela ira dar a volta por cima e esquecer tudo oque passou ao lado dele. Além de fazer de tudo para esconder Jackson dele.


Austin Mahone



Com seus 20 anos (sei que ñ mas imaginem), Austin tem sua careira no ápice da fama. Agora morando em Miami, com uma "namorada" de contrato Lívia Cortez. Lívia faz, sinceramente, de sua vida um inferno do qual ele deseja muito sair. Ou pelo menos reencontrar sua amada Clara. 


Mari Souza




Mãe de duas meninas, Mari de 22 anos, continua vivendo seu sonho, cantar. Mesmo depois de 3 anos sem a melhor-amiga ao lado para apoia-la, continua com um sorriso de animar qualquer um... Mas coisas podem mudar.


 Alex Constâncio 
















Agora com 22 anos, Alex é pai de Jully e Mellanie. Sempre apoia a namorada, Mari, em sua carreira que cresce a cada dia. Pretende pedi-la em casamento, mas algumas coisas podem atrapalhar. (nao sabia oq escrever '-')


Lidya Grayson
















Brasileira de 21 anos, Lidya é uma mulher que tem cara de adolescente e também age como uma. Melhor amiga de Clara e a ajudou muito depois de sua volta pro Brasil. Além da própria Clara, Lidya, é a única que sabe sobre o pai de Jackson.


Lívia Cortez












Atual "namorada" de Austin, Lívia tem apenas 19 anos. não liga pra ninguém além dela mesma, é metida, gosta de gastar o dinheiro em roupas. Além de ser mesquinha, metida e essas coisas, ninguém gosta dela. Mesmo todos negando ela afirma estar apaixonada por Austin e vai fazer de tudo para conseguir oque quer.




Oi Girls!!

Como eu demorei MUITO eu vou postar o cap 1 hoje ok?
Desculpem pela demora msm! é que tava uma chuva esses dias aqui em SP e eu tbm fiquei de castigo né :/ entao ñ ajudou muito...
Mas se der certo hj ainda vcs tem o cap 1 hehe

PS: não vou pedir comentários pq eu sou legal u.u

BJKS


22 de jan de 2014

NFLY 2° temporada SINOPSE



 "Quando você alcança um certo ponto em sua vida
Há pessoas por ai esperando você cair
Ao invés da gravidade te puxar para baixo
 Às vezes, você mesmo deve lidar com isso
E voar."






San Antonio e Brasil, separados por uma decisão sufocante que ele tomou. Quando uma unica frase pode mudar tudo, você perdoaria a pessoa que você mais ama? Perdoaria mesmo que ela tenha cometido o pior erro da vida? E aceitaria ve-la com outro amor?

*Clara* 

Sozinha no Rio de Janeiro, faz exatamente 3 anos que estou aqui com o Jackson. Ainda machuca saber que ele não veio atrás de mim, mas estou superando... Mesmo que ouvir falar dele todo dia me deixe muito mal.


*Austin*

3 anos. faz 3 anos que a minha vida mudou completamente. Fãs,mídia,musicas,shows. Mas tudo seria mais fácil se ela não estivesse tão longe. Seria muito mais fácil se eu não tivesse que aguentar a putinha de contrato.


A vida não é fácil pra ninguém, mas se vocÊ lutar atrás de seus sonhos tudo pode ficar... Menos dificil.



      "That should be me holding your hand
      That should be me making you laugh
  That should be me, this is so sad
         That should be me, that should be me
     That should be me feeling your kiss
     That should be me buying you gifts
          This is so wrong, I can't go on till you believe
            That should be me

             That should be me"





Oi Girls!!
Como vcs pediram, aqui esta a Sinopse da 2° temporada u.u
Como eu sou legal :D já posto os novos personagens ok? 
Ai... AMANHÃ depois que eu voltar da natação eu posto o capitulo1 
Combinado?
ok

BJKS

21 de jan de 2014

NFLY- capitulo 22/ Go Away (final de temporada)


Quando você alcança um certo ponto em sua vida
Há pessoas por ai esperando você cair
Ao invés da gravidade te puxar para baixo
Às vezes, você mesmo deve lidar com isso
E voar


 -Mas Clara você não pode ir pro brasil sozinha, você pode ter uma casa lá mas...- ela estava desesperada, andando de um lado pro outro- Ou pode?


-Tia...-fui até ela, ela estava chorando- Por favor, eu preciso voltar voltar pra lá, é a minha casa.- pedi e ela me olhou ainda chorando.

Não respondeu, apenas me abracou tão forte como se esse fosse o ultimo abraço, de certa forma sim.


-Ok, você pode ir. Não vou te impedir, mas...-enxugou as lágrimas- Promete que vai ficar bem?


-Prometo, eu prometo- dessa vez fui eu que comecei a chorar, e a abracei


(...)


Estava indo em direção ao hospital, depois de comprar a minha passagem, eu sabia que estava sendo precipitada, mas preciso voltar pro brasil e esquecer tudo que aconteceu aqui. também sabia que a Mari ia ficar muito chateada comigo, mas eu vou voltar pra lá e ponto. Assim que cheguei no hospital, só tava o Austin dormindo nas cadeiras de espera do lado do quarto. Merda.


-Austin?-cutuquei ele, que deu um pulo.


-Ah, oi Clara- falou coçando os olhos, se controla Clara.


-Tem alguém com ela?-perguntei apontando a pota, ele negou e eu entrei.


Ela estava dormindo e o Alex não estava, ótimo. Deixei a minha bolsa no sofasinho de lá e me aproximei dos berços que tinha lá. Mellanie e Jully dormiam uma em cada bercinho. Elas perecem muito com a Mari.


-Clara?- Mari me chamou, me virei e ela estava sentando na cama, sorri


-Oi Mari- falei sentando na ponta da cama- Elas parecem com você


-E com o Alex também- falou sorrindo


-Então, eu vim aqui porque precisava falar com você- falei olhando pra baixo


-Ish, não gostei desse "preciso falar com você" Boo- falou e eu sorri, ainda olhando pra baixo


-Sabe, ontem quando eu voltei pra casa... Tava pensando...- pausei e respirei fundo- Eu vou voltar pro Brasil- ela não respondeu, eu olhei pra ela. Ela me olhava incrédula como se aquilo fosse impossível


-Olha, se for porque o Austin ta com a Gabriela eu...-interrompi ela


-Não é isso, eu to grávida


-De novo?!-perguntou quase gritando


-É... De novo- suspirei


-O Austin...Sabe?-perguntou e eu neguei


-Mas ele também não vai saber, exatamente por isso eu vou pro Brasil


-E criar essa criança sozinha?-perguntou ainda mais incrédula


-Se for preciso-falei e dei de ombros- Você nem precisa tentar me impedir porque eu já comprei as passagens e arrumei as malas


-Ok ok- bufou- Pode ir se quiser, quem sou eu pra empedir- falou e eu sorri abracando-a


-Você sabe que eu te amo né?-perguntei ainda abraçada com ela, lágrimas começaram a descer pelas minhas bochechas


-Ei! Não precisa chorar- me desabraçou e enxugou as minhas lágrimas, nesse exato momento o Alex entrou no quarto


-Ué, quem morreu?-perguntou brincando, eu tive que rir


-Ninguém eu só... Vou pro Brasil- falei levantando e pegando minha bolsa


-Como assim?- Alex segurou o meu braço antes de eu passar pela porta


-Sim Alex...-sorri entre as lágrimas- Cuida bem delas- falei e dei um beijo na bochecha dele e fui embora.


Assim que eu sai do quarto, Austin estava de pé andando pra lá e pra cá impaciente. Quando me viu parou


-Porque você ta chorando?- perguntou se aproximando, sai de perto levantando as mãos


-Não é mais da sua conta- falei por fim e fui embora.


(...) 


Cheguei em casa só pra terminar de arrumar as malas, o voo sai as 19:00 de hoje, então tenho muito pouco tempo pra arrumar tudo, já que são 16:00 agora.

Depois que terminei de arrumar tudo, desci as malas e fui colocar no carro da minha tia, ela ia me levar pro aeroporto.


-Essa é a última- falei fechando o porta-malas


-Pronta?- minha tia perguntou fechando a porta de casa, olhei de novo para aquela casa onde eu passei meus melhores momentos.


-Pronta.



*Austin P.O.V's*
 ~coloquem essa musica~


Assim que o Alex me contou que a Clara iria voltar pro Brasil, eu não pensei duas vezes antes de ir até o aeroporto.
Quando cheguei lá, procurei em todo lugar, com medo de ela já ter ido embora. Até que eu vi ela sentada em uma das cadeiras de espera com a bolsa no colo e chorando. Toda vez que eu vejo ela chorar me dá um aperto no coração, me aproximei dela devagar... Como se o mundo todo estivesse em câmera lenta.


-Porque você vai embora?- perguntei assim que cheguei perto o suficiente para ela me ouvir


-Austin eu... Eu não posso mais ficar aqui- falou levantando e tentando se afastar, mas eu não deixei e a peguei pelo braço- Austin por favor, me deixa ir


-Eu não posso- sussurrei antes de beija-la. Não foi um beijo qualquer, foi um beijo que tinha todos os meus sentimentos por ela. Ela separou o beijo arfando


-Nem eu posso ficar aqui- falou e foi em direção ao portão de embarque, eu corri até ela barrando-a de novo


-Por favor fica- pedi a segurando pela cintura


-Eu não posso mais ficar, eu...


-Você oque? Eu sei que eu errei aquele dia e fiquei com a Gabriella mas eu não posso mais viver sem você, por favor fica


-Desculpa Austin, eu não posso mais ficar...-falou e me selou, se soltou dos meus braços e foi embora.


*Clara P.O.V's* 


Não pensei mesmo que ele viesse, ainda mais para me pedir pra ficar. Me doeu muito falar que tinha que ir, eu ainda o amo muito... Mas não posso mais ficar.

Aqui não é meu lugar.


Esse foi o último capitulo da temporada... Oque acharam?
Comentem oque vcs acharam, e oq vcs acham que vai acontecer na 2° temporada ;) fico feliz por vcs terem acompanhado a minha fic e tals...
Fico feliz por vcs não terem me matado por quase matar a Clara hehe ^^
Mas fico ainda mais feliz pq vcs são D+!! Talvez amanhã eu poste a Sinopse da 2°temp. ok? Só uma coisa... Eu chorei pra fazer esse cap cara :'( 
Sou sentimental u.u

BJKS