23 de mar de 2014

NFLY 2°- capitulo 11/ I'll Never Leave You



       Voltamos da praia todos cansados, Jackson dormia no meu colo enquanto Austin carregava as coisas para a lavanderia. Coloquei Jackson em sua cama e o cobri, ele estava queimadinho na ponta do nariz, o que o deixava mais parecido com o pai. Sai de seu quarto ligando a babá eletrônica e fechando a porta, segui para o meu quarto, onde Austin estava praticamente no quinto sono largado na cama. Ri da cena e o arrumei certinho na cama, ele resmungou um pouco mas depois pegou no sono de novo.

       Entrei no banho sentindo meu corpo relaxar, comigo é assim... Um ótimo banho muda tudo. Saí do banheiro enrolada em um roupão e fui até o closet, de onde eu escutava os altos roncos de Austin. Era bom te-lo de volta. E eu faria de TUDO para continuar assim.


 *Austin P.O.V's* 


        Acordei com o Sol batendo na minha cara, me sentei na cama e Clara dormia igual a um anjo, me fazendo pensar como eu teria a deixado ir? Por besteira minha ainda? Já estava decidido e não deixaria isso acontecer isso de novo. Não quando estávamos tão bem.


                                           *Clara P.O.V's*


        A semana passou tão rápido que eu nem vi direito. Ultimamente Austin tem estado meio afastado, eu até entendo que seja por causa dos shows que ele está fazendo no Rio e em São Paulo, mas... Ele ficou praticamente a semana inteira sem olhar direito na minha cara, e algo me dizia que tinha algo errado.

       Esperei ele chegar, e acabei dormindo no sofá, acordei com o barulho de alguma coisa caindo no sofá ao lado. Levantei num pulo e me assustei vendo Austin jogado no sofá parecendo um morto-vivo.

       - Aus?- cutuquei ele de leve- Austin? Ta tudo bem?- perguntei ainda cutucando ele

       - Hm...?- murmurou e me olhou abrindo um olho de cada vez- Você ainda está acordada?- perguntou se sentando, eu estava ajoelhada ao seu lado no sofá

       - Sim, queria conversar com você- disse bocejando

       - Mas você está com sono e tem que dormir- falou se levantando e se espreguiçando- E amanhã quero aproveitar meu dia de folga com você- falou me pegando no colo

       - Ah, eu tenho o melhor namorado do mundo- falei me gabando enquanto ele me carregava para cima

       - Sim, você tem- falou selando nossos lábios, dando inicio a um beijo calmo e apaixonado.

       Deitamos na cama e logo adormeci, enquanto ele cantava "Heart In My Hand" baixinho para mim.

       (...)


       - Um jantar?- perguntei para Austin enquanto entrávamos em um restaurante típico do Rio.

       - Não um simples jantar...- falou puxando a cadeira para eu sentar

       - A luz de velas?- perguntei surpresa, ele sorriu.

       A cada dia Austin me impressionava mais. Ele chamou o garçom que trouxe dois pratos de uma comida que eu não reconheci. Começamos a comer e de vez em quando eu ria de algumas palhaçadas de Austin, mas nada muito chamativo. Pouco depois de sairmos do restaurante ele me levou para um porto vazio.

  
       - Porque me trouxe aqui?- perguntei entrelaçando nossas mãos

       - Tenho um assunto sério para tratar com você- falou me olhando e eu gelei

       - Q-Que coisa séria?- perguntei engolindo seco

       - Nós estamos juntos á tanto tempo... E eu sempre tive vontade de fazer isso mas, nunca tive coragem. Sempre pensei que você riria de mim- falou olhando para o mar

       - O que Aus? Porque eu riria de você?- perguntei pegando em seu rosto

       - Clara... Eu te amo tanto...- respirou fundo e pegou alguma coisa em seu bolso, uma caixinha

       - Austin...

       - Clara Diniz...- ele se ajoelhou- Você aceita se casar comigo?



TAN TAN TAAAAAN ~Hue

Oi Girls!! 

 Me desculpem, eu demorei :/ mas eu estava realmente ocupada... Minha semana é totalmente cheia e quando eu to no computador sempre tem alguém pra atrapalhar -.-' Mas hoje, 23/03/2014, um frio do caralho em SP, eu estou aqui pra vocês! Mesmo morrendo de sono :)  
Vocês gostaram? O que acharam? Por favor não me matem, não sei ser romântica pra falar a vdd eu odeio romantismo então... FINALMENTE O AUSTIN TOMOU CORAGEM! :3 e ai, será que ela aceita? ~mistério
Obrigada pelos comentários, vocês sabem que eu leio todos né? Que bom que vocês sabem. Então respondendo a Girl que perguntou sobre os "fantasmas" que a Clara vê... Eu vou dar um jeito e encaixar de novo na história ok? Porque, sinceramente, tá muito parada essa fic. Mas agora vai ficar legal ta?
Eu vou começar uma fic nova depois de Nothing Feels Like You u-u  vai ser mais pesada e "adulta" espero que gostem de Criminal U-U a partir desse cap eu vou fazer uma contagem regressiva pro final de Nothing Feels Like You ok? Com esse faltam apenas 5 caps :c Ta acabando.

Bjks no core de cada uma 

5 caps ~tipo assim~


 5 comentários

10 de mar de 2014

Everything Abaout You Capitulo 10 - The Party (Parte l)


Cinco e dez esse era a hora exata que sai do colégio, bom que estou saindo, eu caminhei até o lado de fora daquele maldito prédio sentido a sensação de ser seguida, bom eu não estava errada, logo atrás de mim estava Austin eu logo revirei os olhos quando o mesmo se aproximou de mim.
- está perdida marrentinha? – perguntou ele com desdém na voz.
- não é da sua conta. – disse com raiva, eu não suportava ele.
- nossa quando educação. – disse ele em deboche.
Eu revirei os olhos e o fitei dizendo.
- dá pra fingir que eu não existo e me deixar em paz e não é uma sugestão e uma ordem.
E comecei a andar mais rápido e o escutei gritar “ você não manda em mim”, mas o ignorei não estava com vontade de humilhar Austin aquela hora, eu estava cansada e com um puta dor de cabeça, resultado de duas horas escutando Andrew escutando Ariana Grande, não que as musicas delas fossem ruim, ela tem um voz incrível é o fato dele escutar sempre a mesma musica, mesmo com o fone eu podia ouvir a musica nitidamente e aquilo me deixou um pouco estressada causando-me essa maldita dor.

Até minha casa fui massageando as têmporas na tentativa de acalmar a dor que parecia latejar a cada passo que eu dava, demorei exatos vinte minutos para chegar em casa que em dias normais eu demoraria apenas quatorze.
-aonde estava? – perguntou meu pai assim que entrei.
- estava me prostituindo. – falei com desdém e andei até a escada, mas mal pude subir a mesma, senti Evan segurar meu braço fortemente e me colocar de frente a ele.
- olha como fala comigo Anna, sou seu pai. – disse zangado.
- correção, você deixou de ser meu pai no momento que largou minha mãe gravida de mim há 17 anos atrás. – eu despejei as palavras com raiva na cara dele, eu odiava o fato dele achar que tinha direito sobre mim.
 - eu sou seu pai você querendo ou não, eu tenho sua guarda. – disse ele.
- você pode ter um milhão de papeis dizendo que sou sua filha, mas o que mais importa você não tem que é meu respeito e consideração como pai. Meu pai morreu há 17 anos atrás no dia em que eu nasci. – disse aos gritos e sai correndo subindo aquelas escadas em segundos e me trancando em meu quarto. Eu estava zangada, triste, deprimida, eu apenas queria minha vida de volta, eu queria poder não ter saído do Brasil, eu queria a minha mãe perto, mas como a vida era injusta eu estava ali, num lugar onde todos pareciam me olhar com pena, onde meu pai é um idiota sem tamanho onde, eu não me encaixo.
Joguei-me em minha cama assim que entrei em meu quarto, deixei as lagrimas descerem livremente, eu estava cansada de ser forte o tempo todo, eu precisava chorar, era a minha válvula de escape, eu estava cansada de tanta mentira e sofrimento, eu queria paz.

Fechei meus olhos e virei-me de barriga para cima, suspirei e desejei não estar ali, queria poder sumir. Fui interrompida de meus pensamentos com algo que se chocava com minha janela, levantei-me e segui até a mesma, assim que abri olhei para baixo e encontrei Andrew, Alex, Austin e a tal Becky , Alex estava preste a atirar outra pedra em direção de minha janela, mas assim que viu-me sorriu e disse.
- Hey anna..
- o que fazem aqui? – perguntei
- estávamos indo a uma festa quando Andrew sugeriu que viéssemos te chamar pra ir junto. – disse Alex com enorme sorriso no rosto, além só Andrew sorria, já os outros dois bufavam em desdém, os dois que me refiram eram Beck e Austin, idiotas.
- eu acho que não sou bem vinda. – comentei e logo recebi um olhar de Austin, um olhar que continha uma pontada de raiva e admiração?!
- que nada, adoraríamos que você fosse. – disse Andrew em uma empolgação assustadora.
- eu preciso me arrumar ainda. – comentei lembrado que eu nem havia tomado banho ainda.
- Eu e Austin podemos ficar e te esperar, o que acha? – sugeriu Andrew sorriso, e eu não tive como recusar.
- tudo bem, desço em quinze minutos. – comentei e fechei minha janela correndo para o banho.
E depois de quinze minutos eu estava pronta, havia apenas colocado uma calça jeans branca uma blusa que deixava uma parte de minha barriga amostra e uma camisa jeans em uma lavagem clara por cima, eu estava me sentindo bonita, não fiz um maquiagem digna de salão, apenas um rímel, delineador e um batom rosa não muito forte nos lábios, meus cabelos os seguei e deixei caírem em minha costa soltos e lisos que era o mais importante. Olhei-me no espelho e então estava pronta e eu ainda tinha 2 minutos.

Respirei fundo e abri a porta do meu quarto rezando para que Evan estivesse trancado em seu quarto como das outras vezes, olhei para os dois lados do corredor me certifiquei de que não havia ninguém e desci as escadas o mais silenciosa que consegui, assim que sai pela porta da frente encontrei Austin e Drew me esperando quando me viram olharam para mim dos pés a cabeça achei aquilo estranho, tinha algo de errado comigo?
- tenho algo de errado? –perguntei assim que estava próxima a eles.
- não nada- disse Drew

- pelo contrario. – comentou Austin em um tom baixo, mas que eu pude ouvir, nada comentei sobre aquilo, apenas entramos no carro de Austin e seguimos rumo a tal festa, só espero que isso me distraía e me alegre.

Continua

Eu realmente sinto muito pela demora, mas eu não tive tempo esse ultimo mês, estou trabalhando e estudando, não está sendo fácil e espero que me intendam, eu vou tentar postar mais seguido, já que estou com milhões de ideias pra fic, espero que não tenham me abandonado. Vocês ainda lembram da minha fic ou de mim???
E então passei uns dias sem conseguir acessar o blogger dava erro, já tinha essa capitulo pronto a uma bons dias só não postei por o blogger tava coisado.

Continua com 4 comentários...



6 de mar de 2014

NFLY 2°- Capitulo 10 / Family Day




                                                *Clara P.O.V's* 

    Estava tudo muito bom, eu e Austin estávamos assistindo TV até que a porta foi aberta e a escandalosa da Mariana entrou gritando e rindo com o Jackson no colo e as meninas entraram logo em seguida gritando e correndo.

    -QUE PORRA É ESSA AQUI?!- Gritei chamando as atenções de todos na sala.

    -Oi Clara- Mari sorriu amarelo

    Assim que Jacks me viu, pulou do colo de Mari e veio até mim, o peguei no colo e o enchi de beijos. Desci ele do meu colo e ele olhou curioso para Austin, que já tava meio que chorando.

    Ele me olhou como que pedindo para se aproximar e eu assenti, e entreguei Jackson para ele. Quando Jackson ameaçou chorar Austin o abraçou como se fosse a última vez que o veria, Jackson não chorou e retribuiu o abraço como se reconhecesse o pai.

    Meu emocional já estava ruim, vendo aquela cena piorou tudo, lágrimas desciam como uma cachoeira, nunca tinha chorado tanto de felicidade antes, como se no momento que Austin pegou ele no colo tudo melhorasse.

    -Ele gostou de você- falei sorrindo entre as lágrimas

    -Ele é a sua cara- falou rindo e eu o acompanhei 

    -Ele também parece com você- falei e ele sorriu o olhando 

     -Que tal darmos uma volta?- perguntou e eu assenti.

     Peguei Jacks e fui troca-lo para podermos sair, ele resmungou um pouco enquanto eu dava banho nele mas ficou quietinho para eu poder troca-lo. o arrumei e ele estava uma gracinha, meu Jackson. 

      Desci com ele no colo e encontrei com Austin sentado no sofá nos esperando, ele sorriu ao nos ver e eu retribui, coloquei Jackson no chão e ele saiu correndo sei lá para onde.

     -Onde vamos?- perguntei entrelaçando minhas mãos em seu pescoço

     -Surpresa- falou e me selou- Vai lá chamar ele, já vamos sair- falou e eu fui atrás daquele mini Mahone.

                                     *2 HORAS DEPOIS*

       Estávamos todos nós na praia, Jacks brincava na areia com as meninas enquanto Austin e Alex tentavam nos empurrar para o mar.

       -Não Austin!0- reclamei batendo o pé no chão- Eu não quero!

       -Por favor? Por mim?- perguntou fazendo bico

       -Ah... NÃO!- falei de novo e me sentei na cadeira de Sol colocando meus óculos, ele deu de ombros e me pegou no colo, enquanto a Mari e o Alex apenas riam da minha cara.

       Tentava me debater, mas como ele era mais forte não tinha como. Acabei sendo jogada no mar junto com ele, quase me afoguei.

       -AUSTIIN!- gritei assim que consegui respirar direito, ele ainda ria da minha cara

       -Pode fazer oque quiser, valeu a pena- falou ainda rindo, mas ele parou quando recebeu um tapa no braço- Ai oh! Doeu- reclamou esfregando o lugar que eu bati

       -Ai me desculpa bebe- falei irônica e voltei para a areia.

       Peguei a toalha e tirei o excesso de água do cabelo e me sentei em baixo do guarda Sol. O dia estava muito bonito e eu queria esquecer tudo que havia acontecido com a minha família.


Oi Girls!!

Eu falei que ia me afastar um pouco mas eu já tinha esse capitulo pronto e apareceu um tempinho e eu vim aqui pra postar :) e acho também que depois de voltar da viagem eu fiquei um pouco melhor, felizmente. 
 Obriga as meninas que conseguiram me entender e me desculpa encher vocês com os meus problemas :/ Bom, voltando a fic... Esses dias eu estava pensando, e se tiver uma 3° temporada? Mas eu queria saber a opinião de vocês. Porque, sinceramente, eu acho que essa fic já esta ficando meio chata e sem graça, mas vai depender de vocês, se vocês quiserem eu faço uma 3° temporada de boas :) Mas se vocês não quiserem eu já estou com a ideia de outra fic, que vai ser totalmente diferente dessa. É uma que vocês vão descobrir que eu também sei ser meio... Safada? heueheuehue :3 Então... até a próxima :* Amo vocês s2s2s2 

Um grande beijo no coração de cada uma (Bianca melosa :p) 

+ 8 comentários  

4 de mar de 2014

Avisinho :c

Hey Girls!!

Sei que isso é meio chato e tals, mas eu estou dando um tempinho ok? Não quero que fiquem bravas comigo, porque realmente esta sendo dificil pra mim escrever um capitulo bom... Estou com um certo bloqueio de criatividade se é que me entendem, mas prometo que quando isso passar eu volto a postar normalmente, eu até tenho um capitulo ja pronto mas eu nao vou posta-lo porque eu estou viajando e volto so amanha, e quinta tem aula de novo e nao vai dar tempo.... Realmente espero que me entendam e que sejam mais pacientes quanto a isso :) entao acho que vejo vocês qualquer dia desses.

Beijos no coração de vocês e bom termino de carnaval! s2s2

AMO MUITO VOCÊS!
P.S.: obrigada se você leu e me entendeu ;)